12 de fevereiro de 2016

40+ motivos para observar a Quaresma - Peter J. Leithart

Um assassinato de tweets.

Para observarmos a Quaresma corretamente, nós temos que estar convencidos que estamos no favor de Deus.

A Quarta-feira de Cinzas nos lembra a contar os nossos dias. Ela ajuda-nos a alcançar um coração sábio (Salmo 90:12).

Nós guardamos a Páscoa manifestando e aprofundando nosso precedente compartilhamento na ressurreição. Nós observamos a Quaresma manifestando e aprofundando nossa participação na cruz.

Como uma busca focada dos frutos da santidade, a Quaresma está enraizada na união com Cristo, que é nossa santificação.

Quaresma é a época de sangue, tripas e carne. É a suprema temporada anti-Gnóstica.

Alguns dizem que a Quaresma inibe o impacto cultural da igreja. Para isso, existem três respostas: Cristandade, Bizâncio e Bach.

Quaresma é uma perseguição da glória, porque o Senhor exalta aqueles que humilham a si mesmos.

Para observar a Quaresma corretamente, nós precisamos estar confiantes de que o poder para obedecer a Deus é uma dádiva de Deus.

Israel procura e purga o fermento velho uma vez ao ano. A Quaresma é a festa cristã do pão sem fermento.

Para os cristãos, a morte não é o fim mas o começo. Quaresma é uma longa meditação nessa boa notícia.

A Vida é uma jornada quaresmal através da morte em direção a ressurreição.

A Quaresma é um campo de treinamento para guerreiros espirituais.

Sem a Quaresma ou algo como isso, a igreja arrisca cair dentro de um triunfalismo sem a cruz, a qual é a arma da vitória.

A Quaresma não impediu os cristãos de converter a Europa, formando a Cristandade, construindo catedrais, celebrando o carnaval.

A Quaresma é o treinamento na fundamental disciplina cristã de esperar.

A Quaresma é a preparação para o martírio. Nada é mais poderoso politicamente do que um mártir.

Como todo o calendário da igreja, a Quaresma introduz "o fato do Cristo dentro do ritmo das estações, semanas, dias e horas." - Congar

Nós estamos famintos por todas as coisas erradas. Nós precisamos da Quaresma para desenvolver um gosto para o fruta da árvore da vida -- isto é, o fruto da cruz.

O Roxo é a cor litúrgica para a Quaresma, uma profunda cor de penitência, uma cor luxuriante de realeza. A Quaresma é para reis em treinamento.

O ano da igreja é uma comemoração estendida da história do evangelho. A Quaresma é longa porque a Paixão é o maior episódio na história.

Um exercício de gratificação deferida, a Quaresma é profundamente contracultural.

A Quaresma é católica porque significa nossa inclusão na igreja una, santa, católica e apostólica.

A Quaresma lembra-nos que o único Deus que existe é o Deus da cruz. A Quaresma é uma prevenção contra o monoteísmo genérico.

A Quaresma não é uma retirada da história. O Deus da Quaresma é o Deus que entra no tempo, o Deus que derramou o sangue por nós.

A Quaresma dá a única resposta que existe para o problema do mal: A cruz que triunfa sobre o mal, uma morte que esmaga a morte.

Alguns demônios só são expelidos com jejum e oração. Parece uma boa razão para jejuar e orar.

O ano cristão tem um ritmo, cada estação tem sua própria tonalidade e coloração. Sem Quaresma, o ano fica insípido.

Sem Quaresma, quantos quadros deixariam de ter sido pintados? Quantas cantigas deixariam de ser escritas e cantadas?

A Quaresma nos diz que tempo é -- o tempo entre a ressurreição e a ressurreição.

A Quaresma nos lembra que Jesus foi para a cruz para nós pudéssemos escapar da cruz; Ele foi para a cruz para permitir a nós suportá-la depois dele.

A Quaresma nos dá 40 dias para contemplar a glória do crucificado, que salvou o mundo.

A quaresma é um esforço concentrado para identificar e quebrar ídolos. A Quaresma é um campo de treinamento para Josias.

A Quaresma nos ensina que o Nome que carregamos tem o peso de uma cruz

Durante a Quaresma, nós contemplamos a obediência do Filho para que nos tornemos filhos que honrem nosso Pai e nossos pais.

A Quaresma reconstrói casamentos à medida que comungamos com o Esposo Perfeito que deu a si próprio inteiramente para Sua Noiva.

A Quaresma é o movimento menor na sinfonia do ano da igreja, a dissonância que se abre para a resolução da Páscoa.

A Quaresma é um antídoto contra o sentimentalismo.

A Quaresma nos sintoniza para a beleza quebrada do mundo.

A Quaresma arranca camadas de autoengano que nos resguarda do Cristo Ressuscitado.

A Quaresma não é para fazer coisas que nós nunca fazemos. Como o Domingo, a Quaresma é para intensificar coisas que nós fazemos todo o tempo.

O ano da igreja é pintado em luz e sombra (chiaroscuro). Sem a tonalidade escura da Quaresma, a Páscoa é bidimensional.

A Quaresma nos ensina a cruzar nossos olhos: “For if the eye seek good objects, and will take / No cross from bad, we cannot ‘scape a snake.” - Donne - Donne

Peter J. Leithart é o presidente do Instituto Teópolis.


--------------------------------
ORIGINAL TEXT: https://theopolisinstitute.com/40-reasons-to-observe-lent/