24 de setembro de 2007

16 mil palavras em inglês que perderam seus hifens

Cerca de 16 mil palavras em inglês perderam seus hífens na mais recente ediçao do Shorter Oxford English Dictionary, diz noticia da Reuters. Ice-cream (sorvete) agora é ice cream e cry-baby (bebê chorao) passou a ser crybaby, assim mesmo tudo junto. A mudança é uma consquencia da internet e do SMS - os hifens começaram sendo excluidos dos emails, mensagens de texto e do conteudo das paginas de sites, e depois desapareceram também de jornais e livros. Por um lado, as pessoas passaram a se sentir inseguras em usar o hífen, diz a materia. Por outro, designers graficos aboliram o traço horizontal entre as palavras por considera-lo deselegante, antiquado e uma 'poluiçao visual'.

Fonte: Blue Bus

Abaixo, transcrevo um texto de Julio Hungria que justifica o nao uso de alguns acentos e sinais no site Blue Bus:

Por que é que nao tem acentos? | Julio Hungria

Houve um tempo em que os acentos eram um estorvo (ainda sao, em alguns casos) para usuários de diferentes plataformas na internet. Ainda era uma guerra a diferenciaçao de PC e Mac, e os teclados de cada um escreviam coisas que os outros nao liam normalmente, sobravam incômodos 'ces cedilhas', '&aacute', etc, entre as palavras de uma frase.

Isto faz uns 10 anos, os 10 anos que se completam agora em 2005. Blue Bus, que ja nao tinha muita simpatia pelos acentos que, em muitos casos, apenas 'sujam' graficamente uma informaçao - decidiu banir os que mais tumultuavam um texto. O til era o pior deles e foi o primeiro a 'cair' na ortografia do site.


Mesmo que agora a evoluçao da tecnologia e dos softwares possa permitir um layout, digamos, politicamente correto, para o site nao dá mais, pela simples razao que essa falta de acentuaçao se tornou marca registrada que nao pode e nao deve ser abandonada sob nenhuma hipótese (leia o comentario do Caio no 1o texto desse livro).

Mas nao é só desse diferencial visual que vive o ônibus. Aqui, por regra, se evita preferencialmente o 'por extenso' - veja neste texto, nos parágrafos acima, '10 anos' em vez de 'dez anos' ou '1o texto' no lugar de 'primeiro texto'. Norma interna do site defende que além de procurar textos concisos e idealmente nao maiores que 8 linhas condensando uma informaçao, nenhum elemento gráfico deve 'prolongar' desnecessariamente a notícia apresentada - caso dos 'extensos' ou de artigos como 'um' e 'uma' perfeitamente dispensaveis quando vc refere 'diretor de criaçao' ou 'campanha publicitária', por exemplo. A idéia é enxugar o texto até o limite da paciência do leitor avesso a essas, digamos, 'firulas'.